Você sabia que existem regras para o envio de e-mail marketing?

Fabio Aleixo

Desde 2009 um código específico determina regras para o envio de e-mail marketing, protegendo o usuário e a própria ferramenta.

O e-mail marketing se transformou em uma das grandes ferramentas para atingir o público-alvo de empresas na internet. Um e-mail marketing eficiente transforma-se em conversão e vendas, o principal objetivo do marketing digital.

O envio de e-mail marketing, entretanto, exige que se cumpram algumas regras estabelecidas pelo CAPEM (Código de Autorregulamentação para a Prática de E-mail Marketing). A seguir você irá conhecer um pouco mais sobre essas regras!

O que é o CAPEM?

O meio online também precisa de regulamentações. O CAPEM (Código de Autorregulamentação para a Prática de E-mail Marketing) define justamente as regras para envio de e-mails com propagandas. Ele define o que pode ou não ser feito no meio digital.

O código foi criado em 2009 por associações e representantes do setor de marketing, empresas e até consumidores. Eles receberam a aprovação do Comitê Gestor da Internet no Brasil para publicar o CAPEM. O principal objetivo era incentivar justamente o profissionalismo na área do marketing digital.

O CAPEM também ajuda a proteger os usuários da internet para que não recebam publicidades indesejadas ou indevidas.

Princípios para o envio de e-mail marketing

O CAPEM determinou princípios básicos, tidos como regras, para determinar o uso correto da ferramenta de e-mail marketing. Conheça alguns desses princípios reguladores para a prática:

  • Somente usuários opt-in ou soft opt-in pode receber os e-mails: o código determina que um e-mail marketing só pode ser enviado para um usuário que solicitou ou autorizou aquele envio. De forma alguma pode ocorrer o envio a usuários que não estejam nessas condições;
  • Domínio próprio: para enviar um e-mail marketing a empresa/pessoa deve utilizar um endereço eletrônico de domínio próprio;
  • Formato HTML ou TXT: de acordo com o código, apenas conteúdos nesses formatos podem ser enviados através do e-mail marketing;
  • Anexos: imagens ou vídeos devem sempre ser hospedados em servidores que pertençam ao remetente;
  • Identificação do remetente: o e-mail deve sempre conter de forma clara a identificação de quem o está enviando.

Recurso opt-out no e-mail marketing

Embora possa ter autorizado ou solicitado o envio de determinado e-mail marketing, o usuário tem o direito de se descadastrar quando bem entender. Esse é um dos princípios mais importantes e polêmicos do CAPEM.

O opt-out é a solicitação do usuário para ser retirado do cadastro da empresa. Obrigatoriamente, a opção para o descadastro deve sempre estar presente em todos os e-mails marketings utilizados. A regra também é estipulada pelo código.

Ou seja, se você recebe e-mails de publicidade que não deseja mais, por exemplo, tem o direito de cancelar o recebimento. E, se você envia e-mail marketing, preste atenção: a regulação é clara e as suas obrigações também!

Comentários com Facebook